Notícias

Queda: como prevenir?

Hospital São Francisco em 02/07/2015 às 13h43
noticia_joelho

 

Queda é um descolamento não intencional do corpo para um nível inferior a sua posição inicia, sem possibilidade de correção em tempo hábil.
Como o objetivo de orientar sobre vários aspectos relacionados à prevenção de queda, ressaltamos alguns pontos importantes para você e sua família.

 

Causas mais comuns de ocorrência de queda:

 
– Idade (inferior a 7 anos superior a 65 anos);
– História de queda anterior;
– Alterações de visão, audição ou tato;
– Dificuldade de locomoção e equilíbrio;
– Comprometimento neurológico;
– Anemia;
– Osteoporose;
– Fraqueza muscular;
– Desnutrição;
– Ingestão de bebida alcoólica;
– Neuropatias periféricas (doenças que afetam a sensibilidade dos pés);
– Uso de medicações que possam levar a diminuição dos reflexos e sonolência;
– Jejum prolongado;
– Sedação ou anestesia;
– Uso de medicações que alterem o SNC.

 

Formas de prevenir quedas:

 
– Não utilizar medicação sem orientação médica;
– Iniciar atividade física somente após avaliação médica;
– Não se exercitar em jejum;
– Ingerir líquidos antes, durante e após a atividade física;
– Evitar o consumo de bebida alcóolica;
– Evitar o excesso de peso corporal (obesidade);
– Fazer uma alimentação saudável;
– Procurar consumir alimentos ricos em cálcio e com pouca gordura, como leite desnatado, queijo branco e iogurte, pelo menos três vezes ao dia;
– Ficar exposto ao sol antes das 10 horas ou após 16 horas para auxiliar na absorção de cálcio no organismo;
– Atravessar a rua na faixa de pedestres;
– Usar calçado com solado de borracha ou antiderrapante;
– Evitar levantar-se rapidamente quando sentado ou deitado.

 

Prevenção de quedas durante o período de internação hospitalar:

 
– Manter a cama baixa, travada e com grades elevadas;
– Manter a campainha ao alcance das mãos;
– Não trancar portas;
– Evitar apoiar-se na cama, móveis e parapeito das janelas;
– Solicitar auxílio para locomoção e mobilização;
– Manter a área de circulação livre de obstáculos e iluminação adequada durante a noite;
– Procurar permanecer sempre com acompanhante;
– Evitar andar ou circular pelo quarto ou corredor no momento de limpeza;
– Para sua maior segurança, quando houver necessidade de sair do apartamento, procure sempre estar acompanhado;
– Solicite auxílio da Equipe de Enfermagem sempre que necessário.

 

Como criar um ambiente seguro em casa:

 
– Não andar em pisos úmidos ou molhados;
– Evitar trancar a porta do banheiro;
– Colocar piso antiderrapante no box;
– Utilizar suportes de apoio no box ou vaso sanitário;
– Guardar utensílios em locais de fácil acesso;
– Instalar corrimão e faixas antiderrapantes em escadas e rampas;
– Evitar uso de tapetes soltos pela casa;
– Não subir em bancos e escadas;
– Evitar transportar objetos pesados;
– Manter iluminação adequada em escadas e corredores;
– Manter lista de telefones e endereços úteis em local de fácil acesso;
-Manter iluminação adequada;
– Evitar deixar objetos pelo chão (brinquedos, jornais, fios elétricos e outros);
– Manter acesso fácil para a comunicação, como: telefone móvel ou interfone;
– Evitar animais soltos pela casa: existe a possibilidade de tropeçar e cair.

 

O que fazer em caso de queda?

 
– Quedas podem ocasionar fraturas não aparentes e a movimentação inadequada pode levar a consequências irreversíveis;
– A melhor opção é chamar ajuda especializada imediatamente.

 

Considerações finais:

 
Vale a pena ressaltar que a queda pode ser evitada, desde que você e sua família estejam atentos aos fatores que a predispõe, para estabelecerem estratégias de prevenção.
Com isto, esperamos contribuir para o seu bem-estar, independência e qualidade de vida. Converse com a sua família e transmita estas informações.

 

Fonte: Hospital Alemão Oswaldo Cruz